Revista eletrônica de divulgação holística. Artigos, crônicas e parábolas de abordagens científicas e espirituais. Um portal de acesso para o autoconhecimento, a meditação e a consciência de viver com plenitude no aqui e no agora.
BONDE DA MEDITAÇÃO 2019 – 3º ANO EM BRASÍLIA movement-meditation-909 - Assim como a ciência e a tecnologia foram um fenômeno ocidental, a principal fonte de conhecimento para transformar nossa vida interior se originou no Oriente.  Assim como a lâmpada, a meditação hoje é um fenômeno universal: a lâmpada ajuda a iluminar o mundo exterior enquanto a meditação ilumina o mundo interior. A medida que a […] Full view

Assim como a ciência e a tecnologia foram um fenômeno ocidental, a principal fonte de conhecimento para transformar nossa vida interior se originou no Oriente. 

Assim como a lâmpada, a meditação hoje é um fenômeno universal: a lâmpada ajuda a iluminar o mundo exterior enquanto a meditação ilumina o mundo interior.

A medida que a meditação se tornava universal, porém, surgiram muitos conceitos incorretos a seu respeito: dizem que é uma 'religião' ou ainda que se resume a ficar sentado em posturas difíceis, com tornozelo sobre o pescoço e uma expressão de beatitude para disfarçar o mal-estar, murmurando ou entoando um mantra esotérico.

Se você não gosta dessa forma de ver meditação, venha ter novas experiências no Bonde da Meditação 2019.

Aqui a meditação é abordada de maneira simples, como um componente natural - e cada vez mais essencial - do estilo de vida contemporâneo.

Em sua essência, a meditação é a arte de manter-se alerta a tudo o que acontece dentro e fora de você.

Embora a meditação em si não seja uma técnica, muitos métodos apresentados nesse grupo que já acontece há 2 anos em Brasília, ajudam a desenvolver a percepção.

Depois de adquirir essa capacidade, a meditação pode se tornar a sua companheira onde quer que você esteja - no trabalho, em situações comuns da vida diária, em qualquer lugar. 

Por quê praticar meditações ativas?

Usamos técnicas de meditações ativas ao invés dos métodos tradicionalmente sistemáticos e passivos, porque ajudam a deslocar para baixo nosso centro de ação e decisão que está na maior parte do tempo, no cérebro. Este centro não pode descer através de métodos sistemáticos porque o trabalho do cérebro já é fruto de uma sistematização. Com métodos tradicionais e sistemáticos acabamos por reforçar o funcionamento do cérebro, dando assim, mais energia a ele.

Através de movimentos corporais inesperados pelo cérebro, conhecidos como caóticos, tomamos o cérebro de surpresa e o deixamos sem ação. Com isto, o centro de perceber e avaliar o mundo, é deslocado imediatamente do cérebro para o coração. A técnica de Meditação Dinâmica proporciona que conscientemente possamos expressar boa parte de tudo que está nos reprimindo. Construímos passo a passo uma catarse, fundamental para sairmos da opressão que a mente exerce sob o coração. Falamos muito em seguir o coração, em nos entregarmos com amor e facilidade, mas raramente e com pouca intensidade nos permitimos verdadeiramente a isto. Gargalhar ou chorar com autenticidade, dar e receber afeto com naturalidade passam a ser qualidades suprimidas pela mente sistematizada e sempre calculista.

Meditação e ciência.

As técnicas são úteis porque são científicas. Irão poupá-lo de vagar a esmo, de tatear no escuro sem necessidade. Se não conhecer nenhuma técnica, você levará muito tempo. Quando se usa a técnica certa, o crescimento não tem limite. E as técnicas apresentadas aqui foram usadas ao longo de milhares de anos de experiências. Não foram inventadas por um único homem, mas por muitos dentre aqueles que procuravam. E apenas a sua essência é transmitida aqui.

Coordenação: Gyan Yashoda

 Discípula de Osho desde 1983 e a partir de então, passou a participar de diversos processos de terapia e meditação como Fischer-Hoffman, Renascimento, Pulsation, Danças Sagradas de Gurdjieff entre outros. Massagista com formação em Ayurvédica, Okao (massagem facial japonesa), Terapia Crânio-Sacral Nível I (básico) e Bioenergética. Reside em Brasília e há 2 anos orienta o grupo de meditação intitulado 'Bonde da Meditação'.

 

Mais informações: 61 9 8130.9173 WhatsApp

1º semestre: de 11 de março à 26 de junho, segundas e quartas, das 19h30 às 20h30.

Obs: Meditação experimental gratuita.

Formas de Pagamento:

1 - Meditador sócio I: R$ 320 à vista - livre acesso aos 32 encontros - 2x por semana (4 meses - março, abril, maio e junho) + CDs das Meditações.

2 - Meditador sócio II: R$ 180 à vista - livre acesso aos 16 encontros - 1x por semana (4 meses - março, abril, maio e junho) + CDs das Meditações.

3 - Meditador mensal 2x por semana: R$ 100 à vista - acesso aos 2 encontros semanais do mês determinado + CDs das Meditações.

4 - Meditador mensal 1x por semana: R$ 60 à vista - acesso a 1 encontro semanal do mês determinado.

5 - Meditador diário: R$ 20 - acesso ao encontro do dia.

Obs.1: Como mês de março teremos dois encontros a menos que o habitual, o preço ajustado pra março fica: R$ 75 (pagamento mensal 2x por semana) e R$ 45 (pagamento mensal 1x por semana).
Obs.2: Importante ir com roupas leves e confortáveis. Quem tiver cadeira ou banco de meditação, pode levar.

 Local: SHIN QI 6 conjunto 8 casa 24 - Lago Norte

  

BONDE DA MEDITAÇÃO 2019 – 3º ANO EM BRASÍLIA

Assim como a ciência e a tecnologia foram um fenômeno ocidental, a principal fonte de conhecimento para transformar nossa vida interior se originou no Oriente. 

Assim como a lâmpada, a meditação hoje é um fenômeno universal: a lâmpada ajuda a iluminar o mundo exterior enquanto a meditação ilumina o mundo interior.

A medida que a meditação se tornava universal, porém, surgiram muitos conceitos incorretos a seu respeito: dizem que é uma ‘religião’ ou ainda que se resume a ficar sentado em posturas difíceis, com tornozelo sobre o pescoço e uma expressão de beatitude para disfarçar o mal-estar, murmurando ou entoando um mantra esotérico.

Se você não gosta dessa forma de ver meditação, venha ter novas experiências no Bonde da Meditação 2019.

Aqui a meditação é abordada de maneira simples, como um componente natural – e cada vez mais essencial – do estilo de vida contemporâneo.

Em sua essência, a meditação é a arte de manter-se alerta a tudo o que acontece dentro e fora de você.

Embora a meditação em si não seja uma técnica, muitos métodos apresentados nesse grupo que já acontece há 2 anos em Brasília, ajudam a desenvolver a percepção.

Depois de adquirir essa capacidade, a meditação pode se tornar a sua companheira onde quer que você esteja – no trabalho, em situações comuns da vida diária, em qualquer lugar. 

Por quê praticar meditações ativas?

Usamos técnicas de meditações ativas ao invés dos métodos tradicionalmente sistemáticos e passivos, porque ajudam a deslocar para baixo nosso centro de ação e decisão que está na maior parte do tempo, no cérebro. Este centro não pode descer através de métodos sistemáticos porque o trabalho do cérebro já é fruto de uma sistematização. Com métodos tradicionais e sistemáticos acabamos por reforçar o funcionamento do cérebro, dando assim, mais energia a ele.

Através de movimentos corporais inesperados pelo cérebro, conhecidos como caóticos, tomamos o cérebro de surpresa e o deixamos sem ação. Com isto, o centro de perceber e avaliar o mundo, é deslocado imediatamente do cérebro para o coração. A técnica de Meditação Dinâmica proporciona que conscientemente possamos expressar boa parte de tudo que está nos reprimindo. Construímos passo a passo uma catarse, fundamental para sairmos da opressão que a mente exerce sob o coração. Falamos muito em seguir o coração, em nos entregarmos com amor e facilidade, mas raramente e com pouca intensidade nos permitimos verdadeiramente a isto. Gargalhar ou chorar com autenticidade, dar e receber afeto com naturalidade passam a ser qualidades suprimidas pela mente sistematizada e sempre calculista.

Meditação e ciência.

As técnicas são úteis porque são científicas. Irão poupá-lo de vagar a esmo, de tatear no escuro sem necessidade. Se não conhecer nenhuma técnica, você levará muito tempo. Quando se usa a técnica certa, o crescimento não tem limite. E as técnicas apresentadas aqui foram usadas ao longo de milhares de anos de experiências. Não foram inventadas por um único homem, mas por muitos dentre aqueles que procuravam. E apenas a sua essência é transmitida aqui.

Coordenação: Gyan Yashoda

 Discípula de Osho desde 1983 e a partir de então, passou a participar de diversos processos de terapia e meditação como Fischer-Hoffman, Renascimento, Pulsation, Danças Sagradas de Gurdjieff entre outros. Massagista com formação em Ayurvédica, Okao (massagem facial japonesa), Terapia Crânio-Sacral Nível I (básico) e Bioenergética. Reside em Brasília e há 2 anos orienta o grupo de meditação intitulado ‘Bonde da Meditação’.

 

Mais informações: 61 9 8130.9173 WhatsApp

1º semestre: de 11 de março à 26 de junho, segundas e quartas, das 19h30 às 20h30.

Obs: Meditação experimental gratuita.

Formas de Pagamento:

1 – Meditador sócio I: R$ 320 à vista – livre acesso aos 32 encontros – 2x por semana (4 meses – março, abril, maio e junho) + CDs das Meditações.

2 – Meditador sócio II: R$ 180 à vista – livre acesso aos 16 encontros – 1x por semana (4 meses – março, abril, maio e junho) + CDs das Meditações.

3 – Meditador mensal 2x por semana: R$ 100 à vista – acesso aos 2 encontros semanais do mês determinado + CDs das Meditações.

4 – Meditador mensal 1x por semana: R$ 60 à vista – acesso a 1 encontro semanal do mês determinado.

5 – Meditador diário: R$ 20 – acesso ao encontro do dia.

Obs.1: Como mês de março teremos dois encontros a menos que o habitual, o preço ajustado pra março fica: R$ 75 (pagamento mensal 2x por semana) e R$ 45 (pagamento mensal 1x por semana).
Obs.2: Importante ir com roupas leves e confortáveis. Quem tiver cadeira ou banco de meditação, pode levar.

 Local: SHIN QI 6 conjunto 8 casa 24 – Lago Norte

  

Por: shakyamuni

Deixe um comentário