Revista eletrônica de divulgação holística. Artigos, crônicas e parábolas de abordagens científicas e espirituais. Um portal de acesso para o autoconhecimento, a meditação e a consciência de viver com plenitude no aqui e no agora.
4 REGRAS ESPIRITUAIS DE LAO TZU PARA O BOM VIVER LAO-TZU-ESTAR EM SI - 1. RESPEITAR TODAS AS FORMAS DE VIDA  A primeira regra cardinal afirma que devemos respeitar todas as formas de vida na criação, e não procurar dominá-las ou controlá-las. Primeiro devemos amar e honrar a nós mesmos, e então este amor fluirá para fora em direção a todos os seres. Neste mundo, devemos depender de outras […] Full view

1. RESPEITAR TODAS AS FORMAS DE VIDA 

A primeira regra cardinal afirma que devemos respeitar todas as formas de vida na criação, e não procurar dominá-las ou controlá-las. Primeiro devemos amar e honrar a nós mesmos, e então este amor fluirá para fora em direção a todos os seres. Neste mundo, devemos depender de outras formas de vida para a sobrevivência absoluta, e isso significa que devemos tratá-las com respeito, bondade e gratidão. Lao Tzu acreditava que todos nós poderíamos viver em paz e harmonia se nos lembrarmos dessa regra espiritual de respeitar toda a forma de vida.

2. SINCERIDADE NATURAL

Esta virtude manifesta-se como honestidade, simplicidade e autenticidade. Ela basicamente consiste em permanecer fiel a quem você realmente é, e não permitir que as forças externas possam influenciá-lo. Possua sua verdadeira natureza, e não deixe que os outros lhe dizer quem você deve ser. Uma vez que possamos chegar a um lugar de realidade e sinceridade, podemos começar a entender o que precisamos permanecer felizes e pacíficos, e podemos estender isso para incluir outros que possam lutar ao longo de seu caminho também. Viva em sua verdade, e todo o resto cairá no lugar. Além disso, você vai inspirar os outros ao longo do caminho para mostrar também o seu verdadeiro eu e viver autenticamente. Permita que seus pensamentos e ações se alinhem e você chegará a conhecer o significado da sinceridade.

3. GENTILEZA

 No mundo em que vivemos hoje, precisamos muito dessa virtude para ser praticada com mais frequência. Gentileza significa simplesmente ser bondoso com todos, e não possuir desejos egoístas. Quando praticamos a gentileza, desistimos da necessidade de estar certos, porque ser bondoso é mais importante do que ser correto. Quando somos sensíveis às necessidades de outras pessoas e jogamos fora o desejo de controlá-los ou dominá-los, podemos viver em harmonia uns com os outros. Muitas pessoas erram no entendimento da palavra gentil, e associa gentileza com fraqueza, mas isso é só porque vivemos em um mundo cheio de egos inflados. Pratique a doçura, e você despertará a si mesmo, e ao mundo para o que realmente importa.

4. Apoio

Essa virtude implica que precisamos apoiar todas as formas de vida, inclusive nós mesmos. Quando primeiro atendemos a apoiar a nós mesmos, podemos mais facilmente ajudar os outros que encontramos ao longo da nossa jornada de vida. Esta virtude consiste em amar e servir a todos, independentemente do que podemos obter a partir dela. Podemos mudar de um lugar de recepção para um lugar de dar sem nos perguntarmos o que podemos obter em troca. Assim, colocando-nos de lado e vivendo para servir os outros, podemos encontrar uma vida de verdadeiro propósito e alegria, esforçando-se para tornar a vida de outras pessoas um pouco mais fácil.

http://estaremsi.com.br/formacao-em-massagem-terapeutica-com-jaganu/

4 REGRAS ESPIRITUAIS DE LAO TZU PARA O BOM VIVER

1. RESPEITAR TODAS AS FORMAS DE VIDA 

A primeira regra cardinal afirma que devemos respeitar todas as formas de vida na criação, e não procurar dominá-las ou controlá-las. Primeiro devemos amar e honrar a nós mesmos, e então este amor fluirá para fora em direção a todos os seres. Neste mundo, devemos depender de outras formas de vida para a sobrevivência absoluta, e isso significa que devemos tratá-las com respeito, bondade e gratidão. Lao Tzu acreditava que todos nós poderíamos viver em paz e harmonia se nos lembrarmos dessa regra espiritual de respeitar toda a forma de vida.

2. SINCERIDADE NATURAL

Esta virtude manifesta-se como honestidade, simplicidade e autenticidade. Ela basicamente consiste em permanecer fiel a quem você realmente é, e não permitir que as forças externas possam influenciá-lo. Possua sua verdadeira natureza, e não deixe que os outros lhe dizer quem você deve ser. Uma vez que possamos chegar a um lugar de realidade e sinceridade, podemos começar a entender o que precisamos permanecer felizes e pacíficos, e podemos estender isso para incluir outros que possam lutar ao longo de seu caminho também. Viva em sua verdade, e todo o resto cairá no lugar. Além disso, você vai inspirar os outros ao longo do caminho para mostrar também o seu verdadeiro eu e viver autenticamente. Permita que seus pensamentos e ações se alinhem e você chegará a conhecer o significado da sinceridade.

3. GENTILEZA

 No mundo em que vivemos hoje, precisamos muito dessa virtude para ser praticada com mais frequência. Gentileza significa simplesmente ser bondoso com todos, e não possuir desejos egoístas. Quando praticamos a gentileza, desistimos da necessidade de estar certos, porque ser bondoso é mais importante do que ser correto. Quando somos sensíveis às necessidades de outras pessoas e jogamos fora o desejo de controlá-los ou dominá-los, podemos viver em harmonia uns com os outros. Muitas pessoas erram no entendimento da palavra gentil, e associa gentileza com fraqueza, mas isso é só porque vivemos em um mundo cheio de egos inflados. Pratique a doçura, e você despertará a si mesmo, e ao mundo para o que realmente importa.

4. Apoio

Essa virtude implica que precisamos apoiar todas as formas de vida, inclusive nós mesmos. Quando primeiro atendemos a apoiar a nós mesmos, podemos mais facilmente ajudar os outros que encontramos ao longo da nossa jornada de vida. Esta virtude consiste em amar e servir a todos, independentemente do que podemos obter a partir dela. Podemos mudar de um lugar de recepção para um lugar de dar sem nos perguntarmos o que podemos obter em troca. Assim, colocando-nos de lado e vivendo para servir os outros, podemos encontrar uma vida de verdadeiro propósito e alegria, esforçando-se para tornar a vida de outras pessoas um pouco mais fácil.

FORMAÇÃO EM MASSAGEM TERAPÊUTICA COM JAGANU

Por: shakyamuni

Deixe um comentário